SINCOVAL
« página inicial
(43) 9 9923-2697

Histórico

Quadro Ex-Presidentes

O Sindicato do Comercio Varejista de Londrina - Sincoval, nasceu da Associação Profissional do Comercio Varejista de Londrina, em 25 de setembro de 1969. A sede da Associação Profissional, presidida por Moacyr Wilson da Silveira Vallim, era no Edifício Centro Comercial, ocupando uma sala no 10º andar.

Devido à renúncia de alguns diretores, um mês após a posse, em 23 de outubro de 1969, observava-se a necessidade de uma nova eleição. Na ocasião, foi eleito novo presidente da Associação o senhor Amadeu Medeiros Pullin. Devido a este momento de mudança na diretoria, foi aprovada a transformação da Associação Profissional do Comércio Varejista de Londrina em Sindicato do Comércio Varejista de Londrina.

Em 13 de novembro de 1.969, o Sindicato muda sua sede para a rua Pernambuco, nº420. A partir daí, muitos avanços acompanharam a diretoria. Dentre estes, destacamos, em 1971, a emissão, pelo Ministério do Trabalho e Previdência Social, da Carta Sindical do Sincoval, o que dava legitimidade a sua atuação, já que neste momento, além de Londrina, o Sincoval representava as cidades de Cambé e Ibiporã.

Três anos se passaram e, como ainda não possuía sede própria, em 1972, houve a necessidade de nova mudança de endereço, desta vez para rua Minas Gerais, nº 194, 1º andar, no edifício Autolon. Em 1974 com a morte de Amadeu Medeiros Pullin, um dos fundadores do Sindicato, toma posse Moacyr Wilson da Silveira Vallin, reeleito por mais três anos a frente do Sincoval.

Dois anos depois da posse, Silveira Vallin veio a falecer, fazendo Homero Alves da Silva concluir seu mandato até 1977, quando foi eleito Carlos Machado, durante nova mudança de sede para a rua Piauí, 61.

Com o aumento do número de associados, em 1979, novos investimentos foram realizados. O Sincoval publicava mensalmente o boletim "O Varejista", salas foram ampliadas, aparelhos de telefonia adquiridos e foi inaugurado, oficialmente, o Ambulatório Medico e Dentista.

O proprietário da loja Armarinhos Paulista, Antonio Franco, assume a presidência do Sincoval em novembro de 1980 e, dois anos depois, a diretoria comprou um terreno de 1670,70 m², na rua Governador Parigot de Souza, 220, ao lado da Câmara Municipal custando aproximadamente 5 milhões de cruzeiros.

As obras foram iniciadas em 1984, tendo como finalidade a construção de 2.572,53 m² em quatro andares de construção, sendo no térreo a administração do Sincoval, no primeiro andar o setor de assistência médico-odontológico, no terceiro andar salas disponíveis para aluguel para outros Sindicatos Patronais e, por último, no quarto andar, onde possui uma vista panorâmica para o Lago Igapó, pretendia-se montar um restaurante-escola.

Em 1987, três anos após o inicio das obras, foi concluído o projeto que tornou o Sincoval um dos maiores Sindicatos do sul do País, posição que o Sincoval ocupa até os dias de hoje.

O presidente, Antonio Franco, foi reeleito algumas vezes e em 26/06/1991, veio a falecer em sua residência devido a problemas cardíacos. Assumiu a presidência o seu vice, Sinézio Scudeller, proprietário da loja Sinézio Magazine, terminando o mandato de seu antecessor no ano de 1992.

GESTÃO 1992/1995: Faouzi Rachid Nasser - Presidente

Em 14 de outubro de 1992, tomava posse o novo presidente do Sincoval, Faouzi Rachid Nasser, da empresa "Confecções Alamira". Na mesma data de sua posse, iniciaram-se as obras de construção do Anfiteatro do Sincoval, espaço destinado a conferências, simpósios, cursos, entre outras atividades. O Anfiteatro foi inaugurado em 10 de outubro de 1995 e, na mesma ocasião, foi apresentado o painel "Firme e Forte Como Aço", da artista plástica Letícia Faria, com significado na cultura comercial Fenícia antiga. Faouzi Rachid Nasser teve forte influência para construção e rápida finalização deste projeto.

GESTÃO 1996/1998: Igarassu Landucci Louzada - Presidente

Igarassu Landucci Louzada, proprietário da empresa "Confecções Cartola", assume a presidência para o triênio 96-98. Com o apoio do Sincoval, foi fundada, em 13 de março de 1991, a Associação de Mulheres de Negócios e Profissionais de Londrina, com sede em uma das salas do Sincoval, no andar térreo. A posse da diretoria da Associação de Mulheres aconteceu em 1996, na gestão de Igarassu Landucci Louzada. Essa Associação tem como objetivo principal, desde o início, defender os direitos e interesses da mulher, nas várias atividades econômicas e profissionais.

O Sincoval juntamente com outros sindicatos, entidades e associações, criou em 04 de outubro de 1996, o IMALON - Instituto de Mediação e Arbitragem de Londrina, sendo escolhido para presidi-lo, o então presidente do Sincoval, Igarassu Landucci Louzada.

GESTÃO 1999/2001: Sinézio Scudeler - Presidente

A gestão de Sinézio Scudeler é resumida em luta pela flexibilização do Horário do Comércio. Scudeler tomou a iniciativa de criar a Comissão de Conciliação Prévia Trabalhista, baseada na Lei 9958/2000, que desde o início de jornada até o fim de seu mandado já havia atendido 1600 causas obtendo quase 700 acordos.

Além da criação da Comissão de Conciliação, Scudeler reformou a churrasqueira do Sincoval, para melhor atendimento aos associados; providenciou reforma e compra de alguns dos aparelhos utilizados no setor odontológico do ambulatório; Investiu na renovação dos programas de computador, entre outros.

Scudeler se empenha pela isonomia no horário do comércio e mantém, com dinamismo, sua tradicional loja no centro da cidade de Londrina.

Gestão 2001 a 2004 - 2004 a 2007: Uzier de Carvalho - Presidente

Uzier de Carvalho se empenhou com muita garra em todos os assuntos pertinentes ao comércio e à classe representada pela entidade.

A estrutura do Sincoval teve a maior reforma de sua gestão. Desde a inauguração da atual sede, nunca se viu tantas reformas e melhoramentos para os associados e funcionários. Carvalho movimentou a reforma de todo setor administrativo, das áreas de lazer e, principalmente, do setor médico-odontológico. Espaços reformados, equipamentos trocados, programas de computador atualizados, tudo sendo feito para o bem-estar e comodidade do comerciante associado.

Devido à necessidade de entrar em sincronia com os mandatos da Federação do Comércio do Paraná e da Confederação Nacional do Comércio, o período de mandato da diretoria foi estendido. Após todos os trâmites legais necessários, em Assembléia Geral Extraordinária, foi votada e aprovada a prorrogação do mandato para fevereiro de 2007, ou seja, dois anos a mais para a continuação deste sério e bem desenvolvido trabalho que foi realizado pelos diretores desta gestão no Sincoval.